Entre las moscas, de Roberto Bolaño

Entre las moscas – Roberto Bolaño

Poetas troyanos
Ya nada de lo que podía ser vuestro
Existe

Ni templos ni jardines
Ni poesía

Sois libres
Admirable poetas troyanos

Among the flies – Tradução por Mariana Ruggieri

Trojan poets
Now nothing that could have been yours
Exists

Neither temples nor gardens
Nor poetry

You are free
Admirable Trojan poets

Anúncios

Um comentário sobre “Entre las moscas, de Roberto Bolaño

  1. “Ni templos ni jardines
    Ni poesía”

    são três negações, Mari
    eu colocaria assim:

    Neither temples nor gardens
    nor poetry

    ou então:

    no temples no gardens
    no poetry

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s